DE PASSAGEM...

domingo, 23 de novembro de 2014

Cinco meses depois...

Praticamente 5 meses depois da ultima publicação no Blog, a única GRANDE novidade que tenho para dizer, é que não tenho vontade nem motivação para andar a escrever aqui neste espaço...
É mesmo verdade, muito do meu tempo livre está virado para a minha coleção de bidons, e respetiva pagina Web, a qual podem ver AQUI,
Após os problemas graves de saúde que tive em 2011, e consequente passagem á aposentação, tive a “infeliz” ideia de ir “desenterrar” as mal acondicionadas caixas de bidons que tinha no sótão, reorganizai os pouco mais de 450 que aproveitei, e hoje em dia já ultrapassei os 2.500...começando a debater-me com falta de espaço no sótão.
Tal acréscimo deve-se não só a múltiplas trocas feitas com outros colecionadores portugueses e estrangeiros (espanhóis, franceses, belgas, holandeses e italianos) como também a outros amigos, que querendo livrar-se desse “lixo plástico” têm feito o favor de oferecer-me esse material, e nem queiram saber o jeitão que me dá, não só pelos que entram novos para a coleção, como os que entram para os repetidos, alargando assim o leque de possibilidades de fazer trocas.
Depois...há o Facebook, com as suas coisas boas e más, como em tudo na vida, onde se aprende e se desaprende, onde se fazem amizades, algumas arrisco a dizer para toda a vida, á mistura com pessoas desprezíveis, felizmente que em pequeno numero.
E é essa rede social que, tal como a coleção acima referida, me vai ocupando outra boa parte do meu tempo.
Hoje, por razões meramente pessoais, senti-me obrigado a fazer uma pausa no Facebook e...vim parar ao Blog.
Pelo meio, e como que num regresso aos bons velhos tempos dos Teatros de Arroios, alguns trabalhos de Figuração e Publicidade...entre outros:

 
Benvindo a Beirais

 
Sol de Inverno

 
Mulheres

 
Táxis Rouges
 
Os Maias

Pelo meio, uma publicidade feita ao Elevador de Escadas da Egiro, a qual passou na TV, apenas no 1º semestre de 2014, já que o apresentador, á direita na foto, apenas cedeu os direitos de imagem por 6 meses, enquanto os dois atores (era assim que constava na ficha técnica do anuncio...), cederam por um ano...

Eis o vídeo...
video

E, após cerca de 11 anos no inativo, também regressei á atividade da Arbitragem no Ciclismo, maneira de ir ocupando um ou outro fim de semana...
Quanto á Viagem de Verão, lá foram os 4 mosqueteiros, sim que o Luck fez parte da equipa, pelo norte de Espanha, seguindo-se a travessia até á zona mediterrânea, Cannes, Mónaco, Milão, Lago Como, ligeira incursão na Suíça afim de atravessarmos até á Áustria onde, para surpresa do Fábio Silvestre, fomos ver duas etapas da Volta a esse belíssimo país.

Mal nos viu...o Fábio livrou-se logo de "peso" porque seria? ;)
 
Daí, o destino era Greifenberg, para visita á família emigrante, de onde, 3 dias depois, deixámos a co-piloto a qual deu lugar ao então  já Nonagenário que me acompanhou até França, onde vimos 11 etapas, alem dos 2 dias de descanso, preenchidos, entre outras coisas, a fazer companhia aos nossos tugas emigrantes.
Eis o co-piloto...
 
Com os Lampre's Nelson Oliveira e Rui Costa
 
Com os NetApp's Tiago Machado e José Mendes
 
E com o Tinkoff Sérgio Paulinho
 
O regresso, tal como previsto, era em direção a Almeirim, onde me esperava o Encontro Nacional de Escolas de Ciclismo.
Posteriormente, mais uma saída “velocipédica”, esta “a solo” e em direção a Ponferrada, para assistir aos Mundiais de Estrada, onde finalmente Portugal voltou a estar presente no sector feminino com a Daniela Reis,

e com destaque especial para as classificações dos nossos contrarrelogistas de Sub-23 e Elites...FORAM ENORMES.....
Rafael Reis - 4º em Sub-23

Nelson Oliveira - 7º em Elites
 
Tiago Machado - 11º em Elites
 
Saúde? Altos e baixos, mais baixos do que altos e á espera que a asa esquerda se digne dar-me tréguas, seja de que maneira for, incluindo a cirúrgica.
No fim de semana passado, e mesmo com a asa presa por arames...lá fui até ao norte do país, participar no Passeio e Circuito do Rui Costa, o nosso Campeão Mundial 2013, que, para orgulho de toda uma Nação, (tão necessitada de alegrias que está, com tamanhos desgovernos e podridões que só agora se começam a descobrir), levou as cores arco iris aos quatros cantos do mundo.

E o meu MUITO OBRIGADO por esta verdadeira preciosidade que o Rui me ofereceu... 

                                          SEM PALAVRAS.....
E por agora, já chega de escrita...qualquer dia, não sei quando...pode ser que escreva mais qualquer coisa.

sábado, 28 de junho de 2014

Julho-2014

E cheguei á véspera de me fazer á estrada durante 1 mês...este ano com a tripulação alargada, pois seremos 3 elementos...
O dia amanhã começa, em Setubal (Escarpas de S.Nicolau), com um programa bem interessante:
Campeonato nacional de contra-relogio - Masters e Paraciclismo
Assim, ás 10 horas, os 19 Masters 30 inscritos, darão inicio á competição, seguindo-se os 15 Masters 40, 12 Masters 50, 5 Masters 60 e 16 Paraciclistas, num total de 67 atletas.
Depois, mal termine as funções que ali me levam, é seguir diretamente até aos nuestros hermanos, onde, este ano, passarei pelo norte do país vizinho, aproveitando para umas trocas "plásticas" já agendadas...
Depois, bem, depois nem eu sei bem a rota...depende dos ventos, sendo certo que Greifenberg (Alemanha) faz parte do roteiro, onde deixarei uma "passageira" e rumarei ao Tour com o novo co-piloto...
A partir de agora, o meu pai, sim ele que completará 90 anos na próxima 5ª feira, dia 3 de Julho, passa a ser um companheiro para todas as viagens ;)
Espero ver o Tour a partir da etapa 12 ou 13, até á 18, isto é, até terminarem os Pirinéus, seguindo-se ao regresso a este cantinho, direto a Almeirim, onde a 26 e 27 do próximo mês, se realizará o Encontro Nacional de Escolas de Ciclismo...
Isto é, ciclismo para começar, ciclismo pelo meio...e ciclismo para acabar :) :)
Porque será? ;)
Em traços gerais, e após entrar em França, o roteiro não deverá andar muito longe de...Cote d'Azur, Mónaco, norte de Itália, possivelmente com nova ida a Veneza, depois 2 ou 3 dias na Austria, Alemanha, apenas para ir a casa da nossa "família alemã" :) :) e seguir para França, via Suiça.

quarta-feira, 25 de junho de 2014

13-08-1924 a 25-05-2014

Faz hoje um mês que partiu...
É mesmo verdade, já lá vai um mês que nos deixou, e aproveito para, neste espaço, deixar o nosso agradecimento a todos os que nos manifestaram o seu pesar através das maneiras mais diversas formas, tenha sido com a sua presença, ou telefone, sms's, mails, facebook, etc etc.
A todos o nosso obrigado.


quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

2014...

Terminou 2013...
Um ano que não deixa saudades e que poucas coisas boas me trouxe....tão poucas, que se calhar ainda sobram dedos das mãos.
E muitas más....diria mais do que muitas.
Alguma gente hipócrita, golpista, interesseira e mentirosa...e desenganem-se se pensam que apenas me refiro aos nossos desgovernantes..., mas desses, irei tratando a pouco e pouco ;)
Alguns já arrepiaram caminho, e outros vão seguir-lhes as pisadas.
Alguns amigos que se foram afastando...paciência...sigam o vosso caminho e sejam felizes.
Amigos que partiram para sempre...:( paz á sua alma RIP
A saúde que não para de dar dores de cabeça, embora com gravidade bem inferior ao ano de 2011...isto já é como os carros quando começam a ir á oficina...nunca mais de lá saem :) :) :) 
Enfim, muita, mas mesmo muita coisa má...já para não falar no abismo para onde continuamos a caminhar apesar das balelas que uns quantos gajos nos vão atirando para os olhos.
As boas?...Pois, a mudança de estatuto, tendo agora passado a "avô"...e não hei-de eu estar velho
Algumas (poucas) Amizades que chamaria de verdadeiras...mas são essas as que contam
Algumas grandes alegrias na minha modalidade desportiva de eleição...
Ter acompanhado o crescimento da "menina dos meus olhos"...ainda por cima, e ao acabar o ano, com 4 paginas da revista Ciclismo a Fundo a ela dedicadas, através da escrita da Jornalista Magda Ribeiro...(aconselho mesmo a sua leitura)
Votos sinceros de que este 2014 seja bem melhor do que 2013, o que, se por um lado não é difícil...por outro lado, não acredito que venha a acontecer, porque certos personagens deste país, ainda não têm os bolsos suficientemente cheios e vão continuar a roubar-nos no dia a dia...até que alguém, em acto de desespero, faça com que um deles apareça estendido no meio duma rua...e então aí sim...os outros acordam para a vida (sempre pensei que isso viesse a acontecer em 2013, mas se enganei-me...)
Como diria o Raul Solnado...FAÇAM O FAVOR DE SEREM FELIZES (se vos deixarem, é claro)

sexta-feira, 17 de maio de 2013

Itália-2013

A 24 horas de sair para uma viagem de 53 dias, com um destino chamado Italia, mas na qual também daremos especial atenção á Côte d’Azur.
Quando, no verão de 2008, passámos a correr naquela região francesa, ficou a promessa de a visitar com mais tempo, e isso irá acontecer nos proximos dias.
Aproveitaremos para também visitar com algum pormenor o principado do Monaco.
Seguir-se-á a travessia de ferry entre Nice e Ajaccio, afim de visitar a Corsega.
Depois, nova travessia até á Sardenha, seguindo-se a Sicilia, e então depois, começar a subir a Italia continental, com especial atenção a Capri, Pompeia, Napoles, Roma, Pisa, Florença, Veneza e Milão, isto para só referir as principais cidades, para além do Vaticano e São Marino...J
A partir de Milão, dia 30 de Junho, a tripulação volta a ficar reduzida, pois a co-piloto regressa mais rápido, já que no dia seguinte, o trabalho espera por ela.
Pela minha parte, seguirei depois para o “vicio”...que é como quem diz, ver 6 etapas do Tour, desde o contra-relogio por equipas em Nice dia 2 de Julho, até á ligação S.Girons-Bagn.Bigorre, no dia 7.
Nesses dias, irei “trabalhar” também para a minha coleção, a qual tem crescido imenso, e que espero também ficar enriquecida, numas trocas a efectuar na Sardenha, com o maior colecionador do mundo de bidons de ciclismo, aquando da visita que lhe vou efectuar, e durante a qual irei visitar o seu museu.
Na arrecadação da autocaravana, já lá estão...cerca de 250 peças para trocas...isto é, menos peso que na viagem 2012, mas volume identico. J
Tal como já escrevi anteriormente, não irei fazer relato detalhado da viagem, pois a experiencia de 2012 foi demasiado cansativa e alguns momentos, diria mesmo que penosa.
Poderei um dia ou outro, escrever aqui qualquer coisa, mas fica a promessa de um resumo final da viagem, com os momentos principais e algumas fotos.
E agora, toca a ligar a chave de ignição...a estrada espera por nós...
Vamos tentar descobrir qual o próximo país europeu a “rebentar pelas costuras”... J

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

De regresso ao blog...

Há mais de 7 meses que nada escrevo aqui neste espaço...  
Felizmente, não foi por problemas de saude, pois essa, na medida do possivel já está normalizada.
O problema foi outro...tal a dose que levei durante a Viagem ao Cabo Norte, com as escritas mais ou menos diárias, que me senti obrigado a desenjoar de blogs e afins, situação que até terá causado azia a algumas pessoas....temos pena J
Em futuras passeatas, e tal como já o disse a vários amigos, irei apenas limitar-me a resumos finais com algumas fotografias e dados que considere serem de interesse, nomeadamente para os amantes do autocaravanismo.
Os numeros finais da ida ao “Sol da meia noite”, e já com algum atrazo, aqui ficam:
- Dias de viagem: 106
- Kilometros percorridos: 22.696
- Paises: 20
- Gasoleo: 1.951,61 Lts, no valor total de 2.930,13 €, média de 1,501 €/Lt, com valores a variar entre 1,128 €/lt em Andorra e 1,914 €/lt na Noruega...(até doeu...)
- Consumo: 8,599 Lts/100, representando 0,129 €/Km (e pensar eu que, antes de entrar nas etapas dos Alpes e Pirinéus, a média estava em 8,350....)
- Alimentação: 1.228,34 €, (tudo o que teve a ver com comidas e bebidas, 24 horas por dia, incluindo o que foi de cá...) isto é, 6,40 €/dia/pessoa, já que, nos 106 dias de viagem, os ultimos 20, foram feitos “a solo”... o Luck não entra nesta estatistica. Conclusão...em casa, gastamos bem mais por dia...e por muito que me custe dizer, ainda engordámos na viagem.
- Dormidas: 241,50 €, referentes a 6 noites em parques de campismo e 13 em Areas de Serviço ou Parques pagos. As restantes 87, foram em AS ou locais diversos, gratuitos.
- Ferry’s: 411,45 €, respeitantes a 12 travessias e com preços a variar entre os 10,45€ (Hjelmeland/Nesvik) até aos 124,00€ (Helsinquia/Tallin). De referir que esta parcela podia ser bem mais “gordinha”, não fosse a AC ter passado por “comprimento até 6 metros” em 8 das 11 travessias que fizémos na Noruega...
- Portagens/Pontes/Tuneis: 319,38 €. Também aqui podia ter sido bem mais...Por exemplo, no tunel de acesso á Ilha de Fátima (Nordkapp), á ida (mais de 6m) paguei 69,87€, e no regresso (até 6m) foram 26,46€...ou no tunel/ponte entre a Dinamarca e a Suécia, onde foram 43€ em vez de 86€...
- Visitas/passeios: 562,28€, incluindo comboio de Flam, passeio no fiorde, etc etc...
- Estacionamentos: 90,47€ referentes a locais onde não se pernoitou.
- Manutenção da AC: 270,53 €, incluindo oficina para “limpar” a asneira do excesso de oleo (rais partam o holandês...J) e garrafas de gaz
- Diversos: 434,05 €, incluindo telemovel, e a passagem de avião, do regresso da minha co-piloto...
- Total das despesas......6.168,51 €
- Despesas “evitadas” em casa: 465,60 €, água, luz, gaz, passes, etc...e valores minimos...
 
- CUSTO REAL DA VIAGEM: 5.702,91....acreditem ou não, os numeros foram esses J
Face a este balanço, só me apetece é pegar na minha autocaravana e sair daqui para fora...gozava bem mais e gastava muito menos, do que a viver neste inferno, para onde nos têm empurrado os sucessivos DESgovernos deste país ao longo do ultimo quarto de século...
Estivesse a “patroa” reformada e logo veriam como era J
 
Nestes ultimos 7 meses, estive fundamentalmente ocupado com a minha coleção de bidons de ciclismo, a qual, durante o ano de 2012, teve um crescimento tal, que nem eu, nos meus melhores sonhos, imaginava estar já acima das 1.100 peças...
E tal foi o seu crescimento, que me senti obrigado a aceder ás pressões de alguns amigos, e lá me meti a construir este site:
Foi o que se conseguiu arranjar, mas que teve a virtude de me ocupar dias e dias, semanas e semanas, nomeadamente na parte fotografica, com 3 bonecos por peça, recortá-las, montagens, carregar para o site, meter nos separadores....ui, no que me fui meter....mas deu gozo.
Obviamente que, tudo o que aí está, se deve a todos os que ao longo dos anos me foram ajudando a conseguir construir esse “patrimonio”, e que espero bem, continuem a faze-lo, sejam eles, Ciclistas, Diretores, Mecânicos, Massagistas, Colecionadores, Amantes da modalidade, etc etc etc....
Para todos eles O MEU MUITO OBRIGADO.
 
Também houve alteração no nosso “status”...desde o dia 9 deste mês, passámos a “AVÓS”....pois é, agora passámos a ter uma Beatriz na familia J.
Esperamos e desejamos, que o seu futuro seja bem mais sorridente que os dias sombrios que atravessamos.
Tudo de bom para ela e para os papás babados.
 
Ahhhh e o Luck, nosso companheiro, fez ontem 2 aninhos J
 
E voltando a viagens....os tempos são de crise, e há limites por nós próprios estabelecidos, os quais implicam uma natural e obvia contenção nas saídas de fim de semana...tendo em vista “Itália 2013”, com inicio a 18 de Maio, até final de Junho...
 
Prometo, ou pelo menos vou tentar..., não voltar a estar 7 meses sem dar noticias J

sábado, 21 de julho de 2012

O Lance partiu...

No dia 4 de Janeiro de 2010, foste recebido em nossa casa, com muitos miminhos e uma nova familia.
A pouco e pouco foste recuperando dos maus tratos que recebias dos teus antigos donos.
Eras pele, ossos, algumas crostas de feridas, e um Campeão, por isso te demos o nome de Campeão...LANCE
Passados 15 dias, e durante a noite, até conseguiste fazer uma autêntica obra de arte...
Cresceste, foste ficando reguila, e de tal modo hiperactivo, que já não dava para seres a nosssa companhia nas viagens em autocaravana.
Passaste a ser um excelente guarda do nosso quintal, talvez o melhor até hoje.
Há algumas semanas a maldita Leuchemaniose resolveu atacar-te.
Foste resistindo com as muitas forças que tinhas, o rim parou 2 vezes, comias cada vez menos, a qualidade de vida desaparecia a passos largos.
Ontem partiste.
Deixas saudades a todos nós, incluindo as tuas “manas”
Descansa em paz

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Dias 82 a 86 - Pelos Fiordes, até ao Sol da meia-noite...

Dia 82 – 27/06/2012 – Nancy (F) / Luxemburgo (L) – 143/17.984 km
A caminho do Luxemburgo
Passagem na fronteira, com 17.959 kms de viagem
E de imediato a excelência das estradas luxemburguesas a caminho do Parque de Campismo escolhido, (N 49º34’15’’ E 06º06’28’’), com autocarro a escassos 300 metros, a permitir a ida até á cidade de Luxemburgo.
 
Arte de pintura corporal em plena rua
Para além de indicações que já nos são bem “familiares”, e que me fez soltar um “até já”...por aqui estarei dentro de dias J
E á noite...assistir ao penoso afastamento da seleção, na lotaria dos penalties, mas enfim, mei-as finais já foi bem bom e pela minha parte, confesso que não pensava que passassem da fase de grupos.

Dia 83 – 28/06/2012 – Luxemburgo (L) / Redange sur Attert (L) – 043/18.027 km
De manhã, numa de mecânico, substituição de uma lampada de medios que estava fundida, e verificação de niveis...e asneira J
Pois é, não teve piada nenhuma, mas aconteceu.
Não faço ideia onde tinha a cabeça, ou em quantas coisas estava a pensar ao mesmo tempo, para fazer uma confusão medonha nos limites dos niveis da vareta do oleo...
Passadas estas horas todas, ainda não encontrei resposta, mas a verdade é que enfiei com quase 2 litros de oleo...onde não devia ter metido nenhum... J
E só dei por isso...quando voltei a verificar o nivel e a confusão que tinha feito.
Borrada da grossa...e agora havia que resolver na oficina mais próxima, que por sorte era a 2 kms do parque de campismo.
Oficina da Renault, e sorte em ser atendido por um português...tal como o chefe dos mecânicos.
Após cerca de uma hora de espera, lá foi a Tuguinha até ao elevador...e no final...quase 2 litros de oleo retirados...e tudo em ordem.
Isto é...deitei fora quase 2 litros de oleo, e ainda tive de pagar para o tirarem J
Numa proxima, é melhor não estar a pensar em mais nada.
Mas deu para concluir uma coisa...ao fim de 18.000 kms de viagem, acrescidos de mais 3.000, feitos após verificação de nivel na Fiat-Italien Motor Vilage, isto é, após 21.000 já percorridos, não houve qualquer “consumo” de oleo por parte da Tuguinha J J J
Terminada a “visita médica”, viémos até Redange sur Attert, onde aqui estamos, numa ASP referenciada no Campingcar-infos (N 49º46’08’’ E 05º53’41’’), instalada numa zona muito calma e proxima de piscina, restaurante e parque desportivo, com a particularidade de todos os serviços serem gratuitos, incluindo electricidade...algo de muito raro.
Passeio a pé por esta agradavel vila, onde a qualidade de vida é perfeitamente notória.
Num dos varios jornais de distribuição gratuita, acabei de verificar que, toda aquela azafama de ontem na Praça Guillaume II, se devia ao jogo de Portugal, pois foi ali que, em ecran gigante, a comunidade portuguesa se juntou para ver o jogo, tal como tinha acontecido com os anteriores.

Dia 84 – 29/06/2012 – Redange sur Attert (L) / Liege (B) – 165/18.192 km
Era este o dia previsto para chegarmos….ao Tour de France…e aqui estamo nós.
Á saida do Luxemburgo, gasoleo a 1,183...já não me lembro da ultima vez que paguei a este preço, e logo num país que tem o salário minimo acima de 1.750€...
Se juntarmos a isto, o facto ontem verificado, de que o custo dos produtos alimentares serão cerca de 5 a 10% mais caros de Portugal, facil é verificar o que tem sido a sucessão de “desgovernos” do nosso país.
Entrada na Belgica com 18.046 de viagem
E directos ao hotel onde se encontra a equipa Movistar, pois tinha “assuntos” a tratar por ali J
Para além da equipa espanhola, também a Lotto, Ag2r e Française des Jeux ali se encontram, com a natural azafama dos mecânicos, de modo a terem prontas as maquinas voadoras para o Prologo de amanhã.
Saltava á vista, a nova tecnologia (pedaleiro, roda traseira e automatismos) introduzidos das bicicletas de contra-relogio do Alejandro Valverde e Rui Costa...
Com o Luck ainda a testar a maquina do Rui Costa
Percorremos, com a Tuguinha, o trajecto do Prologo de amanhã, e só espero que o S.Pedro não faça o mesmo de hoje á tarde, e que tenha pena dos 189 ciclistas que estarão á partida para 3 semanas de competição.
Trata-se de percurso muito tecnico, zonas de empedrado com curvas a 90º, e até duas viragens apertadas a 180º...
Boa sorte para todos, nomeadamente para os 2 tugas aqui presentes: Rui Costa e Sergio Paulinho.
Encontrámos lugar num parque de estacionamento a 300 metros de uma das duas viragens a 180º (N 50º38’50’’ E 05º35’09’’), e reservado pela organização para autocaravanas, tal como varios outros parques da cidade, e com paineis luminosos indicativos, desde a E42, num sinal de respeito e atenção que é dado ás nossas “casinhas”, que ao longo das proximas 3 semanas, serão aos milhares ao longo dos 3.947 kms da Volta á França.
Depois do jantar, ainda houve tempo para um passeio a pé, ao longo de parte do traçado de amanhã

Dia 85 – 30/06/2012 –Liege (B) / Bruxelas (B) – 142/18.334 km
Cerca das 10,30h já estávamos instalados para ver o Prologo, e numa altura em que, por coincidência, o nosso amigo Rui Costa, por ali passava em treino de reconhecimento...e ao dar com a nossa bandeira...
sorridente como sempre J
Do Prologo...
Sergio Paulinho...
Rui Costa...
O azarado Tony Martin, campeão do mundo de contra-relogio, a furar e trocar de bike mesmo á nossa frente...
E o Cancellara a voar para a vitória
Terminada a prova, nova passagem pelo hotel da Movistar, onde, após o jantar, e finalmente...lá conseguimos estar com o Rui, para lhe dar o prometido abraço pela grande vitória dele na Volta á Suiça, que terminou faz amanhã 2 semanas.
Ele ainda quis vir até á Tuguinha, fazer uma visita ao Luck
E despedir-se da Bia, que amanhã, em dia de aniversário, vai regressar a casa, já que o trabalho espera por ela na 2ª feira.
De seguida, vinda até Bruxelas, onde estamos no parque junto ao Heisel, já nosso conhecido, quando em Abril aqui ficámos duas noites.
No caminho para cá, ainda tempo para fazer o reconhecimento de acessos e parque de estacionamento no aeroporto, de modo a não andar “perdidos” amanhã.

Dia 86 – 01/07/2012 –Bruxelas (B) / Temploux (B) – 142/18.334 km
Agora sem a co-piloto, receosa de não dar com o avião
mas que a esta hora já está em casa a jantar com as filhotas...
E eu, por aqui fico, para mais 20 dias, com muito, muito, muito ciclismo J
Por tal motivo, não creio que vá fazer mais publicações, pois certamente serão demasiado repetitivas...
Assim, e a menos que algum dos nossos tugas cometa uma proeza... J, farei no final o resumo destes 20 dias, que começarão amanhã a ver a 2ª etapa aqui bem perto do local onde me encontro, seguindo-se 3 dias de descanso numa ASP, e ligado á electricidade, na tentativa do “milagre do gaz” e de modo a que ele não me falte até dia 15...data em que vai chegar uma “galp” J, através de amigos e familiares do Rui Costa que vêm de autocaravana para a ultima semana do Tour.
Também umas voltinhas de bike, que bem preciso.
Tudo isto, enquanto a prova vai mais para norte, para depois voltar a ve-los na 6ª feira perto de Metz (6ª etapa) e em todas as etapas seguintes, até terminarem os Pirineus, o que acontecerá dia 19.